Segunda-feira, 30 de Julho de 2007

Where'd You Go?

I want you to know it's a little fucked up,
That I'm stuck here waitin', no longer debatin',
Tired of sittin' and hatin' and makin' these excuses,
For why you're not around, and feeling so useless,
It seems one thing has been true all along,
You don't really know what you've got 'til it's gone,
I guess I've had it with you and your career,
When you come back I won't be here and you can sing it...




Cozinhado por Baronesa Vá Gina às 20:31

link do post | Grunhe / Comenta | Adicionar ao Guarda-Joias
Domingo, 29 de Julho de 2007

Interessante

Será que uma pessoa que se mostre interessada se torna mais interessante?

Eu julgo que sim.

Com Isto Fiquei:
JukeBox: Starz In Their Eyes - Just Jack
Cozinhado por Baronesa Vá Gina às 23:44

link do post | Grunhe / Comenta | Ver Grunhidos (1) | Adicionar ao Guarda-Joias
Sábado, 28 de Julho de 2007

...

"Um abraco e um presente perfeito: serve a todos e nao ha problema em
troca-lo!"
Com Isto Fiquei:
JukeBox: Smoke City - Underwater Love
Cozinhado por Baronesa Vá Gina às 23:40

link do post | Grunhe / Comenta | Adicionar ao Guarda-Joias
Sexta-feira, 27 de Julho de 2007

Micróbios.

Quando olho para um copo meio,
não questiono se está meio cheio ou meio vazio.
Mas sim se é ou não o meu copo.
Com Isto Fiquei:
JukeBox: 05 - Relax, Take It Easy - MIKA
Cozinhado por Baronesa Vá Gina às 13:49

link do post | Grunhe / Comenta | Ver Grunhidos (1) | Adicionar ao Guarda-Joias
Quinta-feira, 26 de Julho de 2007

Quem muito pensa....

Um homem tinha três namoradas e não sabia com qual delas deveria casar.


Resolveu, então, fazer um teste para ver qual estava mais apta a ser a sua mulher.
Tirou 15 mil euros do banco, deu 5 mil para cada uma e disse:

- Gastem como quiserem.
A primeira foi ao shopping, comprou roupas, jóias, foi ao cabeleireiro,
salão de beleza, etc. Voltou para o homem e disse:

- Gastei todo o teu dinheiro para ficar mais bonita para ti, para te
agradar. Tudo isso porque te amo.

A segunda foi ao mesmo shopping, comprou roupas para ele, um leitor
de CD, uma televisão écran plano, dois pares de ténis para jogar
basquetebol, tacos de golfe e filmes porno.. Voltou para o homem e
disse:

- Gastei todo o teu dinheiro para te fazer mais feliz, te agradar. Tudo
isso porque te amo.

A terceira pegou no dinheiro, aplicou em acções. Em três dias duplicou
o investimento, devolveu os 5 mil Euros para o homem e disse:

- Apliquei o teu dinheiro e ganhei o meu. Agora posso fazer o que quiser
com o meu dinheiro.Tudo isso porque eu te amo.

Então o homem pensou,

pensou....

pensou.....

pensou... (os homens pensam muito...)

pensou...

pensou...

pensou...

pensou...

pensou...

pensou...

pensou...

pensou...

pensou.... (os homens pensam muito...)

pensou...

pensou...

pensou...

pensou...

pensou....

pensou...

pensou...

...E casou com aquela que tinha as mamas maiores!

Sim, porque um homem pensa muito ... e depois faz sempre asneira !

Eheheheheh....recebi isto num e-mail, não resisti.
Com Isto Fiquei:
JukeBox: Cebola Mol - Os Meus Irmões Baterem-me
Cozinhado por Baronesa Vá Gina às 23:42

link do post | Grunhe / Comenta | Adicionar ao Guarda-Joias
Quarta-feira, 25 de Julho de 2007

Amor Maduro

O amor maduro não é menor em intensidade. Ele é apenas silencioso. Não é menor em extensão. É mais definido colorido e poetizado. Não carece de demonstrações: presenteia com a verdade do sentimento.

O amor maduro é a valorização do melhor do outro e a relação com a parte salva de cada pessoa. Ele vive do que não morreu, mesmo tendo ficado para depois, vive do que fermentou criando dimensões novas para sentimentos antigos, jardins abandonados, cheios de sementes.

Ele não pede, tem.
Não reivindica, consegue.
Não percebe, recebe.
Não exige, oferece.
Não pergunta, adivinha.
Existe, para fazer feliz.

O amor maduro cresce na verdade e esconde-se a cada auto-ilusão, basta-se com o todo do pouco. Não precisa e nem quer nada do muito. Está relacionado com a vida e por isso mesmo é incompleto, por isso é pleno em cada ninharia por ele transformada em paraíso. É feito de compreensão, música e mistério. É a forma sublime de ser adulto e a forma adulta de ser sublime e criança.

É o sol de outono: nítido, mas doce.
Luminoso, sem ofuscar.
Suave, mas definido.
Discreto, mas certo.
Com Isto Fiquei:
JukeBox: Fico Assim Sem Voçê - Adriana Calacanhoto
Cozinhado por Baronesa Vá Gina às 22:30

link do post | Grunhe / Comenta | Adicionar ao Guarda-Joias
Terça-feira, 24 de Julho de 2007

Crazy Little Thing Called Love

Queen

This thing called love I just can't handle it
this thing called love I must get round to it
I ain't ready
Crazy little thing called love
This (This Thing) called love
(Called Love)
It cries (Like a baby)
In a cradle all night
It swings (Woo Woo)
It jives (Woo Woo)
It shakes all over like a jelly fish,
I kinda like it
Crazy little thing called love

There goes my baby
She knows how to Rock n' roll
She drives me crazy
She gives me hot and cold fever
Then she leaves me in a cool cool sweat

I gotta be cool relax, get hip
Get on my track's
Take a back seat, hitch-hike
And take a long ride on my motor bike
Until I'm ready
Crazy little thing called love

I gotta be cool relax, get hip
Get on my track's
Take a back seat, hitch-hike
And take a long ride on my motor bike
Until I'm ready (Ready Freddie)
Crazy little thing called love

This thing called love I just can't handle it
this thing called love I must get round to it
I ain't ready
Crazy little thing called love
Crazy little thing called love
Crazy little thing called love
Crazy little thing called love
Crazy little thing called love
Crazy little thing called love
Crazy little thing called love
Crazy little thing called love
Com Isto Fiquei:
JukeBox: Crazy Little Thing Called Love - Queen
tags: ,
Cozinhado por Baronesa Vá Gina às 20:55

link do post | Grunhe / Comenta | Adicionar ao Guarda-Joias
Segunda-feira, 23 de Julho de 2007

Geração Ai Fai

Com Isto Fiquei: Doente
JukeBox: Erotica [Madonna]
Cozinhado por Baronesa Vá Gina às 21:13

link do post | Grunhe / Comenta | Adicionar ao Guarda-Joias
Domingo, 22 de Julho de 2007

'Nasceste antes de 1986? Então lê isto, se não, lê na mesma.

Este texto que vou "postar" j á é conhecido, já o tinha recebido em e-mail e tambem já tenho lido noutros blogs, mas como penso que seja mesmo de analisar e pensar, nunca é demais começar um blog com um texto deste género.

Nascidos antes de 1986. De acordo com os reguladores e burocratas de hoje, todos nós que nascemos nos anos 60, 70 e princípios de 80, não devíamos ter sobrevivido até hoje, porque as nossas caminhas de bebé eram pintadas com cores bonitas, em tinta à base de chumbo que nós muitas vezes lambíamos e mordíamos.
Não tínhamos frascos de medicamentos com tampas "à prova de crianças", ou fechos nos armários e podíamos brincar com as panelas.
Quando andávamos de bicicleta, não usávamos capacetes.
Quando éramos pequenos viajávamos em carros sem cintos e airbags, viajar á frente era um bónus.
Bebíamos á gua da mangueira do jardim e não da garrafa e sabia bem.
Comíamos batatas fritas, pão com manteiga e bebíamos gasosa com açúcar, mas raramente engordávamos porque estávamos sempre a brincar lá fora.
Partilhávamos garrafas e copos com os amigos e nunca morremos disso.
Passávamos horas a fazer carrinhos de rolamentose depois andávamos a grande velocidade pelo monte abaixo, para só depois nos lembrarmos que esquecemos de montar uns travões. Depois de acabarmos num silvado aprendíamos.
Saíamos de casa de manhã e brincávamos o dia todo, desde que estivéssemos em casa antes de escurecer.
Estávamos incontactáveis e ninguém se importava com isso.
Não tínhamos PlayStation , X Box.
Nada de 40 canais de televisão, filmes de vídeo, home cinema, telemóveis, computadores, DVD, Chat na Internet.
Tínhamos amigos - se os quiséssemos encontrar íamos á rua.
Jogávamos ao elástico e à barra e a bola até doía!
Caíamos das árvores, cortávamo-nos, e até partíamos ossos mas sempre sem processos em tribunal.
Havia lutas com punhos mas sem sermos processados. Batíamos ás portas de vizinhos e fugíamos e tínhamos mesmo medo de sermos apanhados.
Íamos a pé para casa dos amigos.
Acreditem ou não íamos a pé para a escola;
Não esperávamos que a mamã ou o papá nos levassem.
Criávamos jogos com paus e bolas.
Se infringíssemos a lei era impensável os nossos pais nos safarem. Eles estavam do lado da lei.
Esta geração produziu os melhores inventores e desenrascados de sempre.
Os últimos 50 anos têm sido uma explosão de inovação e ideias novas.
Tínhamos liberdade, fracasso, sucesso e responsabilidade e aprendemos a lidar com tudo.
És um deles?
Parabéns!

Passa esta mensagem a outros que tiveram a sorte de crescer como verdadeiras
crianças, antes dos advogados e governos regularem as nossas vidas, "para nosso bem".
Para todos os outros que não têm idade suficiente pensei que gostassem de ler acerca de nós.
Isto, meus amigos é surpreendentemente medonho... E talvez ponha um sorriso nos vossos lábios.
A maioria dos estudantes que estão hoje nas universidades nasceu em 1986.
Chamam-se jovens.
Nunca ouviram "we are the world" e uptown girl conhecem de westlife e não de Billy Joel.
Nunca ouviram falar de Rick Astley, Banarama ou Belinda Carlisle.
Para eles sempre houve uma Alemanha e um Vietname.
A SIDA sempre existiu.
Os CD's sempre existiram.
O Michael Jackson sempre foi branco.
Para eles o John Travolta sempre foi redondo e não conseguem imaginar que aquele gordo fosse um dia um deus da dança.
Acreditam que Missão impossível e Anjos de Charlie são filmes do ano passado.
Não conseguem imaginar a vida sem computadores.
Não acreditam que houve televisão a preto e branco.

Agora vamos ver se estamos a ficar velhos:

1. Entendes o que est á escrito acima e sorris.

2. Precisas de dormir mais depois de uma noitada.

3. Os teus amigos estão casados ou a casar.

4. Surpreende-te ver crianças tão á vontade com computadores.

5. Abanas a cabeça ao ver adolescentes com telemóveis.

6. Lembras-te da Gabriela (a primeira vez).
7. Encontras amigos e falas dos bons velhos tempos.


SIM ESTÁS A FICAR VELHO heheheh ,  mas tivemos uma infância do caraças'

Com Isto Fiquei: Nostálgico
JukeBox: THE ARCHIES - Sugar Sugar
Cozinhado por Baronesa Vá Gina às 20:02

link do post | Grunhe / Comenta | Ver Grunhidos (1) | Adicionar ao Guarda-Joias

.A Gaja

.Remexe-me a Cómoda

 

.Agosto 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Ultimas postas de pescada

. Queen - Love of My Life

. Falta D´Ome

. Todas as Cartas de Amor s...

. INFORMAÇÃO

. Queen - Bohemian Rhapsody...

. Algo que escrevi ha algum...

. Sometimes When I'm Dreami...

. ...

. Love At First Sight

. Gianna Nannini - Meravigl...

.Cómoda

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

.tags

. todas as tags

.Guarda-Joias

. Perdido

. Fazer amor sem sexo!!!!

. Bon Jovi Make A Memory

. A Agua - Poema de Bocage

. Geração Ai Fai

RSS